X
Menu principal
Início
Alegrete
Prefeitura
Órgãos
Serviços
Notícias
Galerias
X
Menu de acessibilidade
Ir para conteúdo [1] Ir para menu [2] Ir para busca [3] A- [4] A+ [5] Alternar contraste [6] Mapa do site [7]
Menu de acessibilidade Ir para conteúdo [1] · Ir para menu [2] · Ir para busca [3] A- [4] · A+ [5] · Alternar contraste [6] · Mapa do site [7]
NOTÍCIAS
10/08/2022
Organização da 41ª Feira do Livro de Alegrete já tem definições sobre o evento
A Prefeitura de Alegrete, por meio da Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (Secel), em parceria com a Biblioteca Pública Mário Quintana e com o Sistema Fecomércio - Sesc, realiza a 41ª Feira do Livro de Alegrete entre os dias 4 à 9 de outubro, no Largo do Centro Cultural Adão Ortiz Houayek.

Nesta edição da feira, a temática foi escolhida através de enquetes nas próprias escolas públicas. Com isso, “Ler é dar vida à imaginação" tornou-se o lema do evento.

Algumas definições já foram realizadas através de debates e reuniões entre a comissão organizadora com o aval do prefeito Márcio Amaral e do secretário da Secel, Rui Medeiros. O prefeito Márcio dá total liberdade aos representantes da cultura para fazerem suas escolhas. "Assino embaixo, haja vista a importância deste tema", disse.

O PATRONO

O escritor e professor Marcelo Rocha, enfim, será o patrono da Feira do Livro de Alegrete. Ele já foi "Escritor Homenageado", palestrante, e, por aqui, lançou todas as suas obras. Rocha encontra-se entre os principais nomes da literatura gaúcha, com premiações como o Açorianos (principal prêmio da literatura gaúcha) e a indicação ao Jabuti (principal prêmio da literatura nacional).
Já esteve radicado em Alegrete, quando foi professor da Uergs e coordenador do Curso de Letras da URCAMP. Hoje, dá aulas na Universidade Federal do Pampa - Unipampa. Uma escolha por um autor de enorme qualidade e com fortes laços com o município e a própria Feira de Livro.

HOMENAGEM PÓSTUMA

Outros nomes também foram definidos. O homenageado "in memorian" será ninguém menos do que Laci Osório, o emblemático poeta que mais lindamente cantou o Rio Ibirapuitã, em versos antológicos. Em sua autoria, possui mais de uma dezena de livros. Elvio Vargas, que já foi patrono da Feira do Livro, conta que Laci foi contemporâneo de Mário Quintana e sua temática era social, sendo um dos primeiros poetas gaúchos a escrever poemas dedicados à ecologia. "Ainda que pouco conhecido da maioria dos leitores, ele deixou uma bela obra povoada de imagens, com uma rara musicalidade", ressalta Laci.

ESCRITORA HOMENAGEADA

A Feira terá como homenageada Rosane Castro, narradora de histórias e produtora cultural. No seu extenso currículo, a graduação em Letras pela Universidade Luterana do Brasil – Ulbra, e pós-graduação em História e Cultura Indígena e Africana. Rosane também é graduada em Literatura Infantil e Juvenil pela UCS (Universidade de Caxias do Sul). Atualmente, cursa Psicologia e Terapias Integrativas. Atua em projetos culturais, sociais e pedagógicos nas organizações públicas, privadas e organizações não governamentais. Um nome e uma obra que oportunizarão aos alunos uma imersão magnífica nos livros infantis.

HOMENAGEADA ESPECIAL

A cultura e a arte popular também serão valorizadas de forma muito afetiva na Feira do Livro, através da escolha de Iracema Marconato como homenageada especial. Trata-se de uma poetisa e gaiteira conhecida por apresentar seu trabalho em diferentes eventos do município.

Também inseridos no evento acontecerão o I Seminário Jykre kar: diálogos para uma educação etnico-racial em Alegrete e o I Seminário Internacional do Povoamento Açoriano em Alegrete. Além disso, haverá o Concurso de Crônicas Daniela Cunha e o tradicional Festival Alegretense da Canção - FAC.

A comissão organizadora informa que até o dia 30 de agosto será apresentada a programação oficial da feira.
Últimas notícias Ver todas notícias

Vídeos
#VacinaAlegrete - Covid19
Vídeo Institucional Alegrete