X
Menu principal
Início
Alegrete
Prefeitura
Órgãos
Serviços
Notícias
Galerias
X
Menu de acessibilidade
Ir para conteúdo [1] Ir para menu [2] Ir para busca [3] A- [4] A+ [5] Alternar contraste [6] Mapa do site [7]
Menu de acessibilidade Ir para conteúdo [1] · Ir para menu [2] · Ir para busca [3] A- [4] · A+ [5] · Alternar contraste [6] · Mapa do site [7]
NOTÍCIAS
20/01/2022
Um ano depois da primeira dose aplicada, Alegrete já aplicou mais de 35 mil doses contra Covid-19. Vacina segue como meio mais eficaz de proteção
Em meio ao que seria o começo do segundo pico da Covid-19 no Alegrete e no RS, em 19 de janeiro de 2021, a Prefeitura de Alegrete, por meio da Secretaria da Saúde, iniciava a vacinação no município. “A felicidade não cabia nas pessoas, porque eram as primeiras a se vacinar contra a Covid-19”, lembra a secretária Haracelli Fontoura.

A primeiras imagens tornaram-se símbolo de esperança. De lá para cá, a vacinação avançou. Mais de 135 mil doses já foram aplicadas em Alegrete.

Na quarta-feira (19), crianças de 5 a 11 anos começaram a receber a aplicação do insumo pediátrico da Pfizer/BioNtech.

Cenário há um ano e contexto atual
O primeiro lote de vacinas contra a Covid-19 desembarcou em Alegrete e naquele momento, a prioridade era vacinar profissionais da Saúde que estavam na linha de frente no combate à pandemia, além de idosos que residiam em casas de apoio. “Agora, estamos em mais uma etapa da vacinação. Nosso objetivo é aplicar o imunizante em cerca de 6. 028 crianças de 5 a 11 anos. Essas crianças ainda estão expostas ao vírus, com riscos de complicações, e elas podem ser agentes de transmissão da doença. Neste contexto da variante Ômicron e de outras síndromes gripais, é necessário fortalecer a proteção não só dos pequenos, de forma individual, mas também de maneira coletiva”, afirma a titular da SMS.

Processo seguro e eficaz
A vacinação segue como o meio mais eficiente para proteger a população da Covid-19 e suas variantes. Assim como ocorreu com as vacinas para pessoas com 12 anos ou mais, o imunizante pediátrico também passou por diversos estudos e testes até que fosse atestada sua segurança, tendo eficácia garantida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Mesmo com o avanço da vacinação contra a Covid-19, a pandemia não acabou e os protocolos sanitários de prevenção devem ser mantidos – como uso de máscara, higienização constante das mãos e distanciamento social.

“O vírus ainda está aí e as pessoas precisam redobrar os cuidados com isso, porque estamos vendo muitas pessoas relaxando e não ligando para a situação. As pessoas precisam se conscientizar e seguir nosso exemplo de cuidado e também de vacina no braço”, orienta o prefeito Márcio Amaral.
Últimas notícias Ver todas notícias

Vídeos
#VacinaAlegrete - Covid19
Vídeo Institucional Alegrete